viernes, 1 de mayo de 2009

Último concerto em Florianópolis

Sexta-feira foi dia de ver a Nuria cantar sua despedida.

Faço este post como uma pequena homenagem a ela, jovem cantora cujo magnetismo me remete a Edith Piaf.


Há na Nuria (o que será que quer dizer este nome?) muito de estelar. Sempre que a ouço e vejo cantar me pergunto: Como uma voz tão cheia de espessuras pode sair de uma mocinha?


Há na voz da Nuria umas cinco décadas de experiências que ainda não lhe pertencem. É uma expressão à frente, uma comunhão de tempos, o antigo no novo, o vivido no por vir.


Tenho certeza de que todos ainda ouviremos falar muito dela, de sua voz, com o reconhecimento que ela merece.

Milu Leite


http://palavraetom.blogspot.com/2009_05_01_archive.html

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada

Dejános tus comentarios, los leemos cuidadosamente
Gracias !!!